top of page

Programa “Angra, Cidade Inclusiva” apresenta avanços

Um dos destaques do evento foi o lançamento do CittaMobi Acessibilidade que vai ajudar os deficientes visuais que dependem do transporte público


Portal da Prefeitura de Angra dos Reis


Na tarde da última quarta-feira (6) a Prefeitura de Angra dos Reis reuniu autoridades e representantes da sociedade civil e de organizações não governamentais, no auditório do Centro de Estudos Ambientais (CEA), para apresentar as mudanças, avanços e novidades no “Angra Cidade Inclusiva”, um programa referência do município. No evento foi lançado o Aplicativo CittaMobi Acessibilidade, que tem a finalidade auxiliar os deficientes visuais facilitando o acesso ao transporte público. A iniciativa representa um avanço para a cidade, promovendo a inclusão e acessibilidade para todos os cidadãosOs principais objetivos do “Angra, Cidade Inclusiva” são a criação de ações inovadoras e de excelência, que tornem o município referência e modelo mundial em projetos para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida; garantir um turismo acessível e proporcionar qualidade de vida à população.


- Nossa cidade tem avançado significativamente na construção de uma sociedade mais justa e inclusiva, mas sabemos que ainda há muito a ser feito. Vamos continuar trabalhando para garantir que todos os cidadãos de Angra dos Reis tenham acesso a oportunidades e possam viver com dignidade. O Programa “Angra, Cidade Inclusiva” é um compromisso do Governo Municipal em criar, monitorar e garantir a implementação de Políticas Públicas para Pessoas Com Deficiência e Pessoas com Mobilidade Reduzida – afirmou o secretário de Governo e Relações Institucionais, Claudio Ferreti.


O programa “Angra Cidade Inclusiva“ foi lançado em 2022 com o propósito de promover a inclusão social e melhorar a qualidade de vida de todos os cidadãos do município, especialmente daqueles em situação de vulnerabilidade. Desde então, diversas iniciativas foram desenvolvidas nas áreas da educação, saúde, acessibilidade, cultura e assistência social, visando garantir direitos e oportunidades para todos os angrenses.


Durante o evento, também foram destacados alguns dos principais resultados obtidos pelo programa ao longo dos últimos anos. Entre os destaques estão a ampliação do acesso à educação inclusiva, com a capacitação de professores para atendimento a alunos com deficiência e monitores para crianças especiais; a melhoria da infraestrutura urbana para garantir acessibilidade em espaços públicos; a criação de programas de capacitação e inserção no mercado de trabalho para pessoas com deficiência, além de outras ações desenvolvidas no programa.


- O evento que realizamos teve como objetivo mostrar tudo que está sendo feito e como a cidade está avançando no âmbito da inclusão. São muitas ações feitas por várias secretárias e mostramos parte disso. Nossa ideia é nos tornar uma cidade modelo, com isso estamos trabalhando para realizar obras e reformas para que Angra possa ser cada vez mais acessível na mobilidade e nos serviços oferecidos a população – comentou o diretor do Programa Angra Cidade Inclusiva, Ricardo Dutra.


CITTAMOBI ACESSIBILIDADE


A Secretaria de Segurança Pública, por meio da Superintendência de Ordem Pública e Mobilidade Urbana lançou oficialmente durante o evento o CittaMobi Acessibilidade, que é uma versão do aplicativo CittaMobi que já está em pleno funcionamento na cidade e já está disponível para download de forma gratuita para Android e iOS.


Com ele, os passageiros podem acompanhar o trajeto e o tempo de espera estimado de cada ônibus. Isso porque a ferramenta é integrada ao GPS da empresa de ônibus, o que permite que o usuário tenha a localização de seu coletivo em tempo real.


Com o Cittamobi Acessibilidade, os desafios de mobilidade das pessoas cegas diminuem. Pelo aplicativo é possível usar o transporte público com facilidade, recebendo informações em tempo real que ajudam na autonomia do deslocamento. Saber o horário de chegada do ônibus, o melhor percurso a fazer e o ponto correto para embarque e desembarque são dificuldades que fazem parte da rotina das pessoas com deficiência visual. Desafios que podem ser vencidos pelo Cittamobi Acessibilidade.


- Esse aplicativo vai facilitar a vida de todos aqueles que utilizam o transporte coletivo. Agora com a função de acessibilidade traz uma forma de ajudar ainda mais as pessoas com deficiência visual. O aplicativo é integrado ao GPS da empresa de ônibus e com isso permite que o usuário possa ter a localização de seu coletivo em tempo real - comentou o Superintendente de Segurança, Transporte e Trânsito, Ricardo Ferreira.


O principal diferencial da versão acessível para o Cittamobi tradicional é o VoiceOver, comando de voz que informa, em tempo real, as linhas de ônibus que estão se aproximando do ponto de parada escolhido pelo usuário. O mesmo recurso também permite que o ambiente ao longo do percurso do ônibus seja descrito, o que ajuda o deficiente visual a perceber melhor a cidade. Essa descrição, entretanto, precisa ser adicionada pelo usuário, que poderá indicar pontos turísticos, igrejas, além estabelecimentos que o ajudem a se localizar na rota. FONTE: https://www.angra.rj.gov.br/noticia.asp?vid_noticia=68870&indexsigla=imp



8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page